quinta-feira, 7 de agosto de 2008

Curriculum Vitae

Se eu estou procurando emprego? Não, não. por enquanto não
Essas são só aquelas coisas sobre mim que eu acho que as pessoas deviam saber... Mas ninguém nunca se dá ao trabalho de perguntar.

Eu sou viciada em abraços. Não saio abraçando compulsivamente os outros, claro, mas abraço o quanto posso quem eu posso abraçar.

Gosto de coisas que brilham no escuro. Meu teto é cheio de estrelinhas fosforescentes, e minha diversão maior antes de dormir era fechar o blackout da cortina, me deitar na cama e olhar pra cima. (ultimamente eu não faço mais isso, porque despenco na cama sem nem pensar em nada, mas de um jeito ou de outro é um hábito que eu quero retomar)

Adoro viuvinhas (insetinhos também conhecidos como soldadinhos). Volto andando pra casa, e na minha rua tem umas árvores que são cheias de viuvinhas. Uma das coisas que gosto de fazer é parar embaixo da árvore e olhar pra cima - elas não são muito altas - pra ver se encontro alguma viuvinha entre as folhas.
(Não sabe mesmo o que é uma viuvinha/soldadinho? Foto aqui.)

Também gosto de joaninhas, mas me chateio porque elas são muito mais difíceis de encontrar.

Manias tenho três: arrancar fios de cabelo rebeldes, tirar cílios caídos e apanhar pros outros coisas deles que caem no chão.

Sabores favoritos de sorvete são baunilha ou menta com chocolate, mas nunca os dois juntos. Sorvete com pedacinhos é muito bom (tipo pedacinhos de chocolate como naquele novo do Mc Donald's)

Duas coisas que eu acho sexy: cheiro de maçã madura (especialmente se a pessoa come arrancando os pedaços da maçã e fazendo aquele barulhinho) e chocolate amargo, especialmente com pedacinhos de avelã, amêndoa, essas coisas.

Aliás, eu adoro comidas com texturas interessantes. Como lula, que parece borracha, e aquelas coisas que fazem "ploc" na nossa boca quando a gente come, como os tais pedacinhos de sorvete e amendoim (inteiro, de preferência).

Por falar nisso, fico imaginando como seria a textura, a consistência de uma coisa só olhando pra ela, como aqueles amortecedores de tênis. Às vezes eu não resisto e peço à pessoa pra pegar no amortecedor, mas na maioria das vezes acabo me frustrando, porque imagino os amortecedores como coisas macias e eles são em geral muito duros.

Nunca fui tiete de nenhuma banda. Já gostei muito de várias músicas da mesma banda, mas nunca cheguei à adoração explícita.

Em compensação, tenho uma facilidade impressionante pra me apaixonar por personagens que não existem de verdade e projetar meus sonhos e frustrações em casais igualmente irreais. Eu sou absolutamente viciada em fandoms.

Minha memória é péssima para a maioria das coisas. Eu tenho uma tendência a esquecer tudo (ou quase tudo).

Rio sozinha com as bobagens que eu mesma invento, mas rio ainda mais se eu conto pra alguém e essa pessoa ri comigo.

Me prendo a todos esses pequenos detalhes da vida, que na maioria das vezes passam despercebidos para todas as pessoas normais.

E perco meu tempo escrevendo listas enormes que ninguém vai ler.


--------------------

Pronto, tirei o texto da obsessão do topo da página! Foi muito bom escrevê-lo, mas no final eu acabei não gostando muito do resultado e pá P:

Marcadores: ,

7 Comentários:

Às 7 de agosto de 2008 21:10 , Anonymous allie disse...

e eu li essa lista enorme com essa letrinha pequenininha quando na verdade eu deveria estar dormindo.

soldadinhos. nunca mais vi desde que fazia o jardim 2 (há mais de 10 anos atras /velha). eu lembro que os meus colegas costumavam coletar soldadinhos aos montes.

e se apaixonar por personagens que não não existem de verdade (e o resto do paragrafo) ftw <3

e... comer lula como faas// o_o

:*

ps: esse ':*' me fez sentir tão miguxaá.!
ps²: ^ ignore.

 
Às 10 de agosto de 2008 13:01 , Anonymous Anônimo disse...

Oii Gabii, desculpa ser tão "intima",rs mas me senti à vontade pra te chamar, pq amei o que escreveu..!
e li tudiinho msmo..! Incrível..! e acredite, tenho muito de ti..e adooro os soldadinhos *o* faz tekpo qe não vejo um :/' antes eu morria de medo, mas meus primos me ajudaram a "vencer" esse "trauma" hahaha!

até qe combinei ctg..qer dzr, temos algumas coisas em comum..!
não tenho blog :/' já tentei fzr, mas nunca dá certo -.-' ai desistir..! mas amei visitar o teu..
ps: achei o mesmo, no site da capricho :D'

vou deixar meu orkut, qualquer coisa..(:'
http://www.orkut.com.br/Profile.aspx?uid=13621340577566059546
beijão..! ;D

 
Às 10 de agosto de 2008 17:40 , Anonymous Deebora x3 disse...

eu li a lista, o que eu achei realmente bom.
também arranco fios de cabelos rebeldes, minha mãe me briga toda vez que pega.
adorava soldadinhos, não encontro mais por ai. quando tinha uma arvóre aqui na frente de casa, tinha muuuitos! andavam pela casa, polsavam na minha roupa. eu brincava com eles, tipo melhores amigos. pegava os que estavam com asinhas quebradas (ou qualquer outro problema) pra cuidar dentro de casa, mas minha mãe sempre me repreendia.
enfim, coisas que eram tão boas e hoje deixam só saudades.
beijos, parabéns pelo maravilhoso blog.

 
Às 10 de agosto de 2008 19:02 , Anonymous Karol disse...

aiiii soldadinhossss! acho que nem existem mais!
simplismente adorei teu blog!
beijinhos queridaa

 
Às 12 de agosto de 2008 11:53 , Anonymous Amanda disse...

Ameii seu blog...
fazendo uma visita,tah?!
BjooO

 
Às 13 de agosto de 2008 14:59 , Blogger Maria Garcia disse...

"Qual é o seu melhor conselho pra menina que quer fazer essa mudança radical e pintar o cabelo de uma cor totalmente diferente?

Tem que ir pro cabeleireiro. Não faz em casa porque vai dar errado e você vai se arrepender. Se você for pintar o cabelo de rosa, você primeiro precisa saber se ele vai aguentar. Então é bom pintar primeiro uma mechinha. Se o cabelo aguentar e der certo, depois de um tempo você vai e pinta ele todo de rosa. Vai aos poucos..."

Eu vi isso na entrevista da Marimoon na Capricho ^____^

 
Às 30 de agosto de 2008 05:46 , Blogger Silier Borges disse...

verdade, ninguém dá muita importância as coisas simples da vida mesmo.

(e quem disse que do post ninguem lê?)

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial