sábado, 9 de fevereiro de 2008

Deposite sua cédula de voto

O eleitor democrata americano se vê em um impasse. Qual dos dois candidatos do seu partido deve apoiar? É como estar em uma encruzilhada, tentando escolher um dos caminhos, sendo que todos os dois parecem tentadores.

Ambos possuem propostas interessantes. Hillary pretende lutar em prol das mulheres americanas, além de estar conquistando a simpatia dos idosos. Já Obama defende a bandeira da causa negra, há tanto negligenciada, mascarada, e convenientemente esquecida pelos governos que insistem em não olhar para os guetos violentos das grandes cidades. E, como ambos são democratas, possuem uma opinião parecida a respeito das outras coisas, como a tão falada questão ambiental.

As mulheres negras são as que estão em pior situação, obviamente. E, para agravar o cenário, ambos recentemente começaram a se engalfinhar entre si, levantando suspeitas sobre a suposta falta de integridade um do outro e ocasionando problemas como a divisão do partido e o aumento da popularidade do candidato republicano.

O eleitor americano pensa. Pensa, mas não consegue chegar a uma resposta. Com alívio, ele lembra-se que o voto em seu país não é obrigatório e decide dar uma merecida folga a si mesmo, ficando em casa e vendo televisão.

(Eu, sinceramente, votaria em branco - ou não votaria -, porque não tenho conhecimento de causa da questão o bastante pra me decidir por um dos lados. Eu soube do problema de forma meio superficial. Mas, como feminista, eu em primeiro ligar simpatizo com Hillary, obviamente...)

Marcadores:

1 Comentários:

Às 9 de fevereiro de 2008 07:24 , Blogger Carol M. disse...

realmente, está difícil escolher entre os dois.
não sei se eu votaria e se sim, em qual...

ficou muito bom o seu texto. está levando bem os trotes dos veteranos x)

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial